Monthly Archives: Janeiro 2019

Águia vs Águia…Quem ganha?

Esta sexta-feira, pelas 18h (hora açoriana), Santa Clara e Benfica vão medir forças num jogo que vai contar para a 17ª jornada da Liga NOS.

Relativamente ao momento das equipas, começamos pela equipa insular. Esta equipa encontra-se num “baixo de forma”, isto, pois nos últimos 9 jogos apresenta 6 derrotas. Importa referir que nos últimos dois jogos, os resultados não sorriram ao CD Santa Clara, tendo perdido em casa com o Tondela em casa por 1-2 e no último jogo empatou com o Feirense (2-2) após ter estado a vencer por duas bolas a zero, tendo apresentado debilidades no setor defensivo. Resumindo, nos últimos cinco jogos o Santa Clara apresenta um registo com 2 vitórias, 2 derrotas e 1 empate (VDVDE).

No que respeita ao SL Benfica, não apresenta um registo muito negativo, no entanto, foi o suficiente para afastar do cargo o seu antigo treinador Rui Vitória, após a derrota frente ao Portimonense. Destaca-se que os encarnados apenas sofreram 1 derrota nos últimos 10 jogos e chegam a esta partida com a moral em alta, após completarem na Luz uma reviravolta frente ao Rio Ave, num jogo que terminou 4-2. Em suma, o Benfica apresenta um registo nos últimos cinco jogos de 3 vitórias, 1 empate e 1 derrota (VVEDV).

Relativamente ao histórico de confrontos entre as equipas, as águias levam uma clara vantagem sobre os açorianos, tendo num total de 7 jogos, 6 vitórias. O restante jogo resultou num empate. Destaca-se que estas equipas não se defrontam desde 2012, num jogo que os encarnados levaram a melhor sobre a equipa de Ponta Delgada (2-0), num embate que contou para a Taça da Liga.

Por fim, salienta-se que o Benfica parte como claro favorito para este encontro. No entanto, espera-se também um jogo muito disputado, isto, pois o Santa Clara tem sido um “osso duro de roer” esta temporada.

Antevisão (treinador)

João Henriques veio fazer a antevisão do jogo que coloca Santa Clara e Benfica frente-a-frente, mas desta vez, num local pouco habitual.

Foi no mercado da Graça, no seio de Ponta Delgada, que o técnico do Santa Clara afirmou que a sua equipa vai “fazer pela vida”.

O timoneiro dos açorianos referiu ainda que não espera encontrar fragilidades na equipa adversária e que vai ser um jogo difícil. Contudo, realçou a vontade e a importância de conquistar os três pontos perante um adversário que está na corrida pelo título.

Anúncios

Erros defensivos pagam-se caro… outra vez

O Santa Clara empatou hoje no terreno do Feirense a duas bolas numa partida a contar para o campeonato.

Num jogo em que o Santa Clara queria vingar a vitória do Feirense em 2008 que impediu a subida de divisão dos Açorianos na altura, o Santa Clara chegou à vantagem ao minuto 43 com Zé Manuel a fazer um chapéu ao guarda redes fogaceiro. O lance tinha sido inicialmente anulado pelo árbitro da partida Carlos Xistra, mas após a revisão do vídeo árbitro, reverteu a decisão, validando o golo.

Começa a segunda parte como acabou a primeira, ou seja mais um golo do Santa Clara, desta feita por Bruno Lamas que rematou para o fundo das redes após uma boa jogada coletiva, e onde o guarda-redes não esteve em bom plano. Se o jogo tivesse acabado assim, o título para a nossa crónica seria “a vingança serve-se fria”. Mas tal não aconteceu, infelizmente. O Feirense reduziu a desvantagem através da grande penalidade cometida por Alfredo Stephens, e Edinho não teve problemas em convertê-lo, à passagem da hora de jogo. O Santa Clara perdeu estabilidade defensiva, e isso foi notório no golo do empate do Feirense, onde Fábio Cardoso tem uma má abordagem à bola, deixando o avançado Valencia isolado para fazer o golo. O treinador da equipa visitante João Henriques tardou a fazer as substituições, dando a entender que o empate seria satisfatório dadas as circunstâncias do jogo.

O Santa Clara mantém-se em 9º lugar, ainda que possa descer para 11º, esperando pelos resultados do Benfica vs Rio Ave, e Porto vs Nacional. O próximo jogo será em casa frente ao Benfica na sexta-feira às 6:45 da tarde, que já está a causar polémica devido ao agendamento de última hora por parte da Liga que impossibilitou a maioria dos emigrantes da diáspora açoriana a residir nos Estados Unidos e Canadá de se deslocarem a Ponta Delgada a tempo da tão aguardada partida.

Feira ao domingo!

Este domingo pelas 15h (hora continental/madeira), disputa-se no Estádio Marcolino de Castro o jogo que coloca frente a frente o Feirense e o Santa Clara. Este é um confronto a contar para a 16ª jornada da Liga NOS.

As equipas chegam a esta jornada após perderem pontos na última jornada. Primeiramente, temos o CD Feirense, que vem de um empate sem golos frente ao Chaves, enquanto que o CD Santa Clara vem de uma derrota caseira sofrida frente ao Tondela (1-2). Ambos os lados procuram neste jogo levar os 3 pontos e assim responder à fase mais atribulada que atravessam.

Analisando mais detalhadamente o momento das equipas, começamos com a equipa de Santa Maria da Feira, que se encontra sem vencer há 7 jogos consecutivos, atravessando assim a sua pior série da temporada. Olhando num panorama mais geral, os fogaceiros apenas venceram numa ocasião nas últimas 10 partidas. Como é habitual, fica aqui o registo apresentado nos últimos 5 jogos (DEDDE).

Relativamente aos açorianos, apresentam um registo mais positivo, mas ainda assim com espaço para melhorar. Nos últimos 5 jogos venceram em 2 ocasiões e perderam por 3 vezes (DVDVD). No entanto salienta-se que nos últimos 8 jogos, sentiram o sabor da derrota por 6 vezes.

Destaca-se que a equipa de Ponta Delgada encontra-se na 9ª posição (20 pontos) e parte para este jogo como favorita, mesmo com o estatuto de visitante. Isto, pois a equipa de Nuno Manta se encontra em lugar de despromoção, na 17ª posição com 11 pontos conquistados.

Por fim, antecipa-se um jogo muito disputado, no qual se espera um Santa Clara mais ofensivo e a pegar no jogo e um Feirense mais paciente e a jogar em contra ataque. Contudo, o objetivo das duas equipas é claro: levar os 3 pontos.

Antevisão (treinador)

João Henriques veio fazer a antevisão do jogo frente ao CD Feirense deste domingo.

O técnico dos açorianos elogiou a qualidade defensiva da equipa adversária e salientou a dificuldade de jogar no reduto da equipa de Nuno Manta.

E tudo o vento levou…

O Santa Clara perdeu hoje em casa contra o Tondela 1-2, no regresso ao campeonato após paragem para o Natal e Ano Novo.

Num jogo cujo destaque seria Fernando Andrade, hoje capitão de equipa, pois este fez hoje o jogo de despedida com a camisola dos encarnados antes de se transferir para o FC Porto, a primeira parte foi fraca no que ao futebol praticado diz respeito. Houve uma oportunidade de golo para o Santa Clara, ao minuto 31, Kaio cabeceia para uma defesa de Cláudio Ramos.

A segunda parte começou com o Tondela a ameaçar a baliza de Serginho, Murillo remata, Serginho defende e a bola bate mesmo no poste. Ao minuto 76, Serginho bate um livre à entrada da grande área, a bola não passa do meio-campo devido à intensidade do vento que se fazia sentir no estádio, o jogador do Tondela ganha na disputa da bola, Tomané aparece cara a cara com Serginho e defende, mas Pité na recarga inaugurou o marcador. O árbitro expulsou César por ele ter tentado defender o remate na linha de golo com a mão. Como a bola entrou na baliza, não foi assinalada grande penalidade a favor do Tondela. Logo a seguir, o internacional português Ricardo Costa comete uma falta dentro da área sobre Zé Manuel, e Fernando Andrade não desperdiçou a oportunidade de coroar a sua despedida do Santa Clara. Logo após o golo do Santa Clara, eis que surge o segundo golo do Tondela, e outra vez Pité num remate cruzado sem hipótese de defesa para Serginho.

O Santa Clara segue em 8º na tabela à espera do que fazem Portimonense e Rio Ave nos jogos de hoje, e caso vençam, o Santa Clara poderá cair para o décimo lugar. Esta é a 5ª derrota em 8 jogos em casa, a 5ª expulsão e a última vitória em casa registou-se no dia 5 de Outubro diante do Chaves. O próximo jogo no campeonato será fora frente ao Feirense.