Monthly Archives: Dezembro 2018

Vitória bem merecida e objectivo dos 20 pontos alcançado

O Santa Clara venceu hoje no terreno do Vitória de Setúbal por 0-2 num jogo a contar para a 14ª jornada do campeonato, o último do ano civil.

A equipa orientada por João Henriques começou a partida a atacar e conseguiu ganhar uma grande penalidade cometida por Dankler que travou o remate de Fernando Andrade com o braço aos 14 minutos de jogo. Osama Rashid não teve problemas para bater o guarda-redes sadino no castigo máximo. A primeira parte ficou marcada pelas paragens no jogo para Serginho receber assistência médica, após se ter queixado de dores na coxa. As equipas foram ao intervalo com o Santa Clara por cima do jogo e o Setúbal sem um único remate à baliza adversária.

A segunda parte ia começando com um susto para a equipa açoriana com um golo marcado por Jhonder Cadiz, mas foi prontamente anulado pelo árbitro da partida sem recorrer ao vídeo árbitro. Na jogada a seguir eis que chega o golo do Santa Clara, através de um livre de Bruno Lamas, a bola bate à frente do guarda-redes e não consegue agarrá-la, Fábio Cardoso só teve de encostar para o fundo das redes. A tendência na segunda parte foi de ataque constante do Setúbal e João Henriques fez substituiu Kaio e Chrien para entrar Pacheco e Diogo Santos de modo a segurar o meio campo. O lance de maior perigo para a baliza do Santa Clara foi um remate de Allef que passa por cima de Serginho e César tira a bola na linha de golo aos 65 minutos de jogo. O resultado manteve-se até ao fim e o Santa Clara sobe na tabela classificativa para um 6º lugar ainda que provisoriamente, à espera do que Moreirense, Belenenses e Rio Ave fazem nos seus jogos agendados para este fim de semana.

Anúncios

Lance duvidoso dá a vitória ao Porto diante do Santa Clara

O Santa Clara perdeu hoje em casa frente ao líder FC Porto 1-2 num jogo a contar para a 13ª jornada do campeonato.

O Porto começou o jogo a atacar a baliza da equipa da casa com dois remates de Marega para duas grandes defesas de Marco. O guarda-redes do Santa Clara acabaria por ser substituído devido a uma lesão na coxa, que se espera não ser de grande gravidade, dando lugar ao estreante Serginho, que regressa após lesão prolongada.

O Porto teve um golo anulado aos 26 minutos devido a um fora de jogo de Soares. A equipa da casa chegou ao golo, aos 38 minutos por Zé Manuel após um cruzamento de Chrien. A primeira parte teve SETE minutos de compensação, e o Porto chegou ao empate através de um canto, em que Serginho defende um remate, mas não foi rápido o suficiente para defender a recarga de Soares aos 45+1.

O treinador do Porto fez uma substituição ao intervalo, descontente com a exibição da equipa na primeira parte.

O Porto faz o segundo golo aos 56 minutos por intermédio de Marega, onde Serginho uma vez mais defende o primeiro remate mas não consegue defender o segundo. Agora o lance duvidoso. No início da jogada do segundo golo, Soares e Patrick disputam a bola e as imagens do vídeo árbitro dão a entender que há um puxão de Soares a atirar Patrick para o relvado. O árbitro nada assinalou. O resultado manteve-se até ao final. Terá este sido mais um erro do vídeo árbitro nesta época?

O próximo jogo do Santa Clara será em Setúbal no próximo sábado, dia 22 às 14:30, hora dos Açores.

Uma visita dos campeões

Este sábado pelas 19h30 (hora açoriana), CD Santa Clara e FC Porto vão se defrontar no reduto dos açorianos, num jogo a contar para a 13ª jornada da Liga NOS.

As equipas chegam a este encontro num registo muito diferente. O FC Porto está a atravessar a sua melhor fase e a realizar um campeonato, até ao momento, quase perfeito. Por outro lado, o Santa Clara vem de uma vitória e procura neste jogo ripostar contra o momento menos positivo que atravessa.

Começando pela equipa da casa, venceu então na última jornada em Moreira de Cónegos com um golo isolado de Zé Manuel. No entanto, num contexto mais geral, não apresenta um registo muito positivo, tendo perdido 4 dos últimos 5 jogos realizados (DDDDV). Os açorianos encontram-se neste momento em 9º lugar com 17 pontos.

Relativamente ao campeão nacional, está a realizar uma campanha quase irrepreensível. Nos últimos 16 jogos apresenta 15 vitórias, 12 delas consecutivas. Vem de uma vitória na Liga dos Campeões frente ao Galatasaray (2-3). Destaca-se que para além de ser líder do campeonato (30 pontos, mais 2 que o 2º classificado Sporting), foi a melhor equipa da fase de grupos da liga milionária, ao conquistar 16 dos 18 pontos possíveis nesta fase da competição.

Olhamos agora para o histórico de confrontos, num total de 7 jogos, os “azuis e brancos” levaram a melhor sobre a equipa encarnada, vencendo por 6 vezes. O outro jogo resultou numa vitória dos açorianos.

Importa realçar que estas equipas não se defrontam desde a época 2002/03, nesta, “os dragões” venceram ambos os jogos (1-3 nos Açores e 5-0 nas Antas).

O Santa Clara conquistou a sua única vitória frente ao FC Porto na época de 2001/02 por um resultado de 2-1.

Por fim, antecipa-se um jogo bem disputado, mas com claro favoritismo para a equipa de Sérgio Conceição.

Antevisão (Santa Clara)

O treinador da equipa açoriana, João Henriques veio fazer a antevisão do jogo deste sábado frente ao FC Porto.

O técnico prevê um jogo difícil frente aos campeões nacionais, que na sua opinião são uma das melhores equipas do mundo.

Por fim, o timoneiro do Santa Clara salientou o facto da equipa visitante estar a atravessar um bom momento e falou sobre a responsabilidade e importância do jogo de amanhã, no que toca à representação dos Açores.

 

Golo de Zé Manuel traz os 3 pontos e leva o Santa Clara para o 9º lugar

O Santa Clara quebrou ontem um ciclo de 4 derrotas consecutivas ao vencer o Moreirense por 1-0 a contar para a 12ª jornada do campeonato.

Durante a primeira parte houve escassas oportunidades de golo para ambas as equipas, com destaque para um remate de Nené aos 21 para defesa de Marco, e para um remate cruzado de Zé Manuel aos 40 minutos para a defesa do guarda-redes do Moreirense.

Na segunda parte a história foi diferente. Aos 47 minutos, o Moreirense teve uma clara oportunidade de entrar em vantagem, outra vez Nené que cabeceou por cima da baliza. Aos 52 minutos eis que surge o único golo da partida, Zé Manuel a mostrar como se faz, ao chutar de primeira para o fundo das redes do Moreirense. Os axadrezados verde e brancos tiveram uma expulsão pouco tempo depois, com Ivanildo a ver o segundo amarelo após agressão ao recém entrado Kaio Pantaleão. O Santa Clara foi fazendo as substituições de forma a defender os preciosos 3 pontos, com destaque para o regresso de Pacheco ao campeonato, e também para o central Accioly, que regressou após lesão contraída no jogo em casa com o Rio Ave. O último jogo que tinha realizado foi no empate épico em casa diante do Sporting de Braga. O melhor que o Moreirense fez com menos um jogador foi um remate ao lado da baliza aos 90+3.

O Santa Clara sobe assim ao 9º lugar com 17 pontos, ultrapassando o Moreirense, que tem 16 pontos.

O próximo jogo vai ser em casa diante do líder e detentor do título de campeão nacional, FC Porto.

Hora de voltar aos carris

Este domingo pelas 15h (continente), o Santa Clara vai a Moreira de Cónegos, num jogo a contar para a 12ª jornada da Liga NOS.

As equipas chegam a este encontro em dois momentos muito diferentes, mas obviamente que ambas querem cumprir o seu objetivo principal, levar os 3 pontos para casa e responder às derrotas sofridas na última jornada.

Por um lado, temos a equipa açoriana, que chega a este jogo num período menos positivo. Encontra-se na sua pior série, 4 derrotas consecutivas e caiu para o 10º lugar. O registo nos últimos 5 jogos foi VDDDD.

Relativamente à equipa minhota, subiu ao 8º posto da tabela classificativa e encontra-se numa boa forma, tendo 5 vitórias nos últimos 6 jogos. No entanto, sofreu uma derrota na última jornada frente ao SC Braga (2-0). Forma: VVVVD.

Resta analisar agora o histórico de confrontos entre as equipas. Estas defrontaram-se por 14 vezes, tendo o Moreirense vencido 6 dos jogos realizados, o Santa Clara 3 e os restantes jogos resultaram em empates.

Por fim, espera-se um jogo bem disputado entre duas equipas que se encontram próximas, no que respeita à classificação.

Erros defensivos ditam nova derrota

O Santa Clara perdeu ontem com o Belenenses SAD (há que fazer a distinção entre o clube que joga nos distritais e a SAD, devido à divergência entre as duas partes) por 2-3 num jogo a contar para a liga NOS.

Mal tinha começado a partida, e o Santa Clara já se tinha adiantado no marcador aos 6 minutos, através de uma grande penalidade convertida por Rashid, após a revisão do vídeo árbitro ao lance. A reação dos “azuis do Restelo ” não tardou, e aos 12 minutos Sasso aproveitou a falta de concentração da defesa do Santa Clara num pontapé de canto e igualou a partida. Ainda na primeira parte, Clemente quase fez aquele que seria o seu primeiro golo na primeira divisão, mas a bola saiu um pouco ao lado da baliza.

Segunda parte uma história diferente para contar, com uma grande penalidade assinalada a favor do Belenenses através do vídeo árbitro, Fábio Cardoso leva amarelo e Fredy faz o 1-2, aos 77 minutos faz o 1-3, num lance em que a defesa do Santa Clara reclama um alegado fora de jogo, um autogolo de André Santos que viria a dar algumas esperanças de que o empate seria possível, não fosse a expulsão de Fábio Cardoso por acumulação de amarelos estragar os planos. Uma autêntica maldição esta do Santa Clara. A 4ª derrota seguida (3ª se contarmos apenas com os jogos do campeonato).

Até agora já deu para constatar 3 coisas: o Santa Clara marca muitos golos (média de 2 por jogo), sofre também muitos golos (média de 2 por jogo) e há por norma um defesa expulso no decorrer da partida.

O próximo jogo do Santa Clara será no domingo dia 9 de Dezembro às 2 da tarde (hora dos Açores) diante do Moreirense, no continente.

Diz o ditado que depois da tempestade vem a bonança. Que seja desta que a equipa inverte o ciclo negativo de resultados.