Monthly Archives: Outubro 2018

Santa Clara soma e segue no campeonato

O Santa Clara deu continuidade à sua campanha impressionante na Liga NOS ao vencer o Desportivo das Aves por 1-2. Cerca de 40 adeptos da equipa Açoreana viajaram para a Vila das Aves para dar apoio aos jogadores.

Os encarnados de Ponta Delgada dominaram por completo a primeira parte, que teve direito a 2 golos de bola parada: um de Bruno Lamas de livre direto aos 16 minutos, e o outro de César aos 23 através de um canto batido por Patrick. Mais uma assistência para este craque!!!

Durante o intervalo os adeptos foram brindados com muita chuva, que desapareceu assim que começou a segunda parte. A equipa Avense deu cordas ao sapato, procurando outro resultado, mas teriam pela frente a massa adepta insular que puxou dos galões, silenciando todo um estádio.

O Aves finalmente chegou ao golo marcado por Derley, aos 75 minutos no entanto teve intervenção do vídeo árbitro. O árbitro da partida expulsou Fernando Andrade por alegadas palavras não muito simpáticas proferidas por ele. Com o Santa Clara reduzido a dez, o Aves tentou o empate, mas sem sucesso.

O Santa Clara segue firme no 5o lugar, à espera do que o Sporting (próximo adversário no campeonato) faz diante do Boavista.

Anúncios

Açor em forma

Este sábado pelas 15h30, Desportivo de Aves e Santa Clara defrontam-se, num jogo que conta para a 8ª jornada da Liga NOS.

A formação de Ponta Delgada, tal como o seu adversário, chegam com a motivação em alta a esta partida, isto, pois ambas as equipas se apuraram para a 4ª eliminatória da Taça de Portugal. O Desportivo das Aves eliminou o Sacavanense (1-3) e o Santa Clara afastou o Maria da Fonte (1-2).

Analisando agora o momento das equipas num contexto mais amplo, olhamos então para o seu registo nos últimos 5 jogos. Começando pelos avenses, encontram-se na sua melhor série desta época, ao chegarem a este confronto após 2 vitórias consecutivas. Realça-se também que a equipa apresentou 3 vitórias e 2 derrotas (DVDVV).

No que toca aos açorianos, à semelhança do seu adversário, chegam a este encontro numa forma impressionante, atravessando também a sua melhor fase até ao momento. Vêm de 3 vitórias consecutivas e apenas sentiram o sabor da derrota numa ocasião (VDVVV).

Importante referir que o Aves se encontra na última posição da liga (18ª), enquanto que a a equipa de João Henriques está no 6º lugar.

Concluindo, resta apenas observar a história entre os dois lados. Num total de 31 jogos, os avenses levaram a melhor sobre os açorianos, ao apresentar 12 vitórias contra 8. Os restantes jogos resultaram em empate (11).

Antecipa-se então um bom jogo, com um lado a querer sair do último posto da liga e outro que se quer manter próximo dos lugares cimeiros.

Antevisão (treinador)

João Henriques veio fazer a antevisão ao jogo deste sábado frente ao Aves.

O técnico desvalorizou a posição em que o seu adversário se encontra, tendo ainda elogiado a equipa da Vila das Aves.

 

 

 

Sorteio da Taça de Portugal: Santa Clara recebe o Chaves

O sorteio da Taça de Portugal foi realizado no decorrer desta tarde, e ditou que o Santa Clara irá defrontar no seu reduto o Clube Desportivo Chaves. O jogo irá realizar-se no fim de semana de 25 de Novembro.

Recorde-se que o Santa Clara venceu os flavienses, curiosamente na 4a eliminatória e também em casa por 2-0, na época passada, com golos de Fernando Andrade e Vítor Alves, igualando assim o melhor registo do clube micaelense na competição.

Mais recentemente, mas a contar para a Liga NOS, o Santa Clara derrotou o Chaves por 1-0, golo de Fernando Andrade. Será que ele vai tomar o gosto ao pé outra vez?

Por fim desejamos boa sorte ao Vale Formoso que se vai deslocar a Tondela, e o Praiense vai jogar fora com o Sporting de Braga.

Tarde histórica para os Açores na festa da Taça de Portugal

Vamos por partes. Comecemos pelo nosso Santa Clara, que teve uma vitória suada na deslocação ao terreno do Maria da Fonte (1-2).

Os golos só apareceram nos últimos 25 minutos da partida com Clemente a inaugurar o marcador aos 69 minutos, confirmando assim o estatuto de maior goleador da história do clube na Taça de Portugal. A reação da equipa da casa não tardou e bastaram 2 minutos para empatar a partida. Bruno Lamas, que tinha entrado na partida para o lugar de Diogo Santos, marcou o golo da vitória aos 75 minutos, e carimbou o passaporte para a próxima eliminatória da taça de Portugal.

Para além do Santa Clara, uma das grandes surpresas da tarde de hoje foi a vitória do Vale Formoso diante do Coimbrões por 4-3 após prolongamento!!! Sem duvida uma vitória histórica, não fosse essa a primeira da sua história na prova rainha do futebol português.

Destaque ainda para a vitória do Praiense que venceu a formação do Santa Iria por 2-0.

A festa da Taça voltou!

Este domingo pelas 15h, SC Maria da Fonte e CD Santa Clara disputam o acesso à 4ª eliminatória da prova rainha.

A competição de clubes volta agora, após a interrupção que houve para os jogos de seleções e volta logo num jogo a eliminar.

A formação açoriana chega a este encontro na sua melhor série, no que respeita à presente época (2 vitórias consecutivas). Olhando para um contexto mais amplo, nos últimos 5 jogos, a equipa orientada por João Henriques apenas sentiu o sabor da derrota numa ocasião, os restantes jogos resultaram em 3 vitórias e 1 empate (EVDVV). Salienta-se que o Santa Clara se encontra na 7ª posição da Liga NOS.

Relativamente à equipa da Póvoa de Lanhoso, apresentam um registo parecido ao do seu adversário ao terem conseguido 3 vitórias e 2 derrotas nos últimos cinco partidas realizadas (VDVVD). Importante referir que esta equipa atua no Campeonato de Portugal (Série A) e ocupa o 8º posto na competição.

Posto isto, resta referir que este será o primeiro confronto entre estas duas equipas.

Espera-se então um jogo com um ritmo elevado, devido ao contexto de “mata-mata” em que as equipas estão inseridas.

Antevisão (treinador)

João Henriques veio fazer a antevisão do jogo deste domingo, que marca a estreia da sua equipa na prova rainha. O timoneiro do Santa Clara referiu que a sua equipa vai respeitar o adversário e que espera dificuldades frente a um adversário que quer mostrar o seu melhor futebol.

O técnico ainda foi a tempo de elogiar Ukra, jogador que tem passado por algumas dificuldades no que toca a lesões.

Um golo bastou para o Santa Clara segurar os 3 pontos e subir na tabela

O Santa Clara venceu hoje o Chaves por 1-0 num jogo a contar para a 7a jornada do campeonato. O Santa Clara começou a partida a todo o gás e podia ter marcado o golo logo no primeiro minuto não fosse o guardião flaviense a evitar o autogolo de Paulinho. Aos 5 minutos houve um lance duvidoso na área do Chaves, em que Bruno Lamas cai na área e se queixa de uma entrada do defesa do Chaves, mas o árbitro nada assinalou mesmo ter tido a ajuda do vídeo árbitro. A primeira parte foi fértil em jogadas perigosas para ambas as equipas com destaque para um cabeceamento de Rashid para a defesa de Ricardo, e ainda para um cruzamento de Perdigão, Marco deixa a bola bater na relva e teve de se esticar para a defender.

A segunda parte foi mais equilibrada no que toca ao futebol praticado pelas duas equipas. Porém o Santa Clara não abdicou de atacar a baliza contrária e Pineda quase inaugurava o marcador aos 59 minutos, só que Ricardo segurou a bola. O mesmo se pode dizer do Chaves que aos 64 minutos tentou marcar, imitando aquilo que o Santa Clara fez em jogos anteriores e com sucesso, isto é: lançamento longo para a área e um remate à baliza, só que Fábio Cardoso esteve no sítio certo e evitou o golo do Chaves.

O que faltava no jogo era o golo e esse só surgiu aos 73 minutos por intermédio de Fernando Andrade que fuzilou as redes da baliza flaviense.

O Santa Clara subiu à condição para a sexta posição da tabela classificativa. O próximo jogo a contar para o campeonato será fora frente ao vencedor da taça de Portugal, o Desportivo das Aves, no dia 27.

Que categoria!

Esta sexta-feira pelas 18h (17h nos Açores), Santa Clara e Chaves medem forças num jogo a contar para a 7ª jornada da Liga NOS.

O conjunto açoriano chega a este encontro após uma vitória expressiva (0-3) frente ao Nacional, enquanto que os transmontanos vêm de um empate conseguido ao cair do pano frente ao Benfica (2-2).

Analisamos agora a forma das equipas nos últimos cinco jogos. Começamos pelo GD Chaves, que apresenta um registo algo ambíguo, visto não perder há 3 jogos consecutivos, mas apenas conseguiu sentir o sabor da vitória apenas 1 vez. Apresentando então este registo: DDEVE.

Relativamente à formação de Ponta Delgada, conseguiu um saldo mais positivo no contexto dos últimos cinco confrontos, quando comparado com o seu adversário. Tendo então um registo de 2 empates, 2 vitórias e 1 empate.

Por fim, resta apenas olhar para o histórico de confrontos entre ambas as equipas, histórico este muito equilibrado. Num total de 21 jogos, o Santa Clara apresenta uma ligeira vantagem sobre o GD Chaves, tendo conseguido levar a melhor sobre os transmontanos em 8 ocasiões. No que diz respeito aos flavienses, venceram por 7 vezes. Os restantes jogos resultaram em 6 empates.

Antecipa-se um jogo bem disputado entre o 7º e 10º classificados da Liga NOS.

Antevisão (treinador)

João Henriques veio fazer a antevisão do jogo desta sexta-feira frente ao GD Chaves, na qual elogiou a equipa transmontana e realçou a qualidade da mesma.

O timoneiro da formação de açoriana apelou ainda à presença dos adeptos no jogo de amanhã.