Monthly Archives: Maio 2018

João Henriques na cadeira de sonho

O CDSC apresentou hoje o novo técnico da sua equipa principal de futebol. Depois de vários convites públicos a outros treinadores a escolha recaiu sobre João Henriques.

O técnico de 45 anos natural de Tomar assinou contrato com a duração de uma temporada (segundo o Record) e tem como primeiro objetivo garantir a manutenção do CDSC na Liga NOS.

Apesar de só na última época ter chegado à Primeira Divisão Nacional como técnico Principal, o seu percurso já é longo principalmente nas equipas do CPP.

Conta também no seu currículo com uma passagem pela Arábia Saudita no Al-Ahli Jeddah e nos Emirados pelo Al Wahda.

Na última época começou como adjunto de Kennedy no Leixões e após um arranque menos bom da equipa de Matosinhos assumiu o lugar de técnico principal a partir da sexta jornada.

O bom trabalho realizado no Leixões despertou atenções na Liga NOS e em Janeiro foi para o Paços de Ferreira com o objetivo de garantir a manutenção.

Infelizmente não o conseguiu mas também diga-se que não tinha muita matéria prima para trabalhar.

Resta desejar boa sorte e muito sucesso para esta época e estamos curiosos para saber quem o irá ajudar no comando técnico do CDSC.

 

Anúncios

Marcelo, o experiente

Hoje analisamos o desempenho do defesa Marcelo Oliveira ao serviço do CDSC na época 2017/18.

Com 27 jogos realizados totalizou 2369 minutos jogados e levou 10 cartões amarelos e 2 vermelhos. Não marcou qualquer golo.

Foi ainda suplente não utilizado em 11 partidas. Esta foi a primeira época de Marcelo ao serviço do CDSC.

 

João Pedro, o duro.

Hoje analisamos o desempenho do defesa central João Pedro na época 2017/18 ao serviço do CDSC.

Foram 25 jogos realizados pelo CDSC num total de 2135 minutos com dois golos marcados. João Pedro viu 8 cartões amarelos.

Foi suplente não utilizado em 11 partidas. Esta foi a primeira época ao serviço do CDSC.

 

Accioly, o Guerreiro

Hoje analisamos o desempenho do capitão Accioly na época 2017/18 no CDSC.

O defesa “açoriano” realizou 17 jogos e totalizou 1485 minutos jogados. Levou três cartões amarelos e não marcou qualquer golo. Foi ainda suplente não utilizado em 4 partidas.

Accioly tem um total de 290 jogos realizados pelo CDSC com 16 golos marcados. Esta foi a oitava época ao serviço do clube.

 

Toni… o Garoupa.

Hoje vamos analisar o desempenho do lateral croata Toni Gorupec na época 2017/18 ao serviço do CDSC.

O Toni realizou 14 jogos pelos CDSC totalizando 1136 minutos jogados com zero golos marcados. Levou 3 cartões amarelos e zero vermelhos.

Esta foi a primeira época ao serviço do CDSC.

Dani Coelho? Não, é mais lebre…

Hoje analisamos o desempenho do lateral Dani Coelho. Com 15 jogos realizados totalizou 1312 minutos jogados, levou 7 cartões amarelos e um vermelho. Não marcou qualquer golo.

Importante referir que esteve parte da época lesionado e por isso o seu contributo foi menor que o esperado. Esteve presente no banco 14 vezes como suplente não utilizado.

Esta foi a primeira época de Dani no CDSC.

Vítor Alves, o sério

Hoje analisamos o desempenho de Vítor Alves. O defesa polivalente efectuou 38 jogos pelos CDSC e marcou 1 golo. Jogou 3260 minutos, viu 9 cartões amarelos e um vermelho.

Foi suplente não utilizado só numa partida. Vítor Alves está na sua quarta época ao serviço do CDSC.

Na reta final da temporada foi um dos indiscutíveis do 11 de Carlos Pinto.

 

« Entradas Mais Antigas