Na primeira pessoa.

A crónica do jogo Sporting B – CDSC será feita na primeira pessoa.

“Mais do que relatar os factos do jogo, que toda a gente viu ou pôde ver através da emissão da Sporting TV, hoje quero fazer a análise desses factos.

O CDSC não esteve bem, novamente. Estou mal habituado esta época. Ganhar jogos, jogar bem e de forma eficaz, já estava todo contente a pensar vai ser desta… Mas entretanto bateu a realidade uma, e outra e mais outra e ainda mais outra vez. Já somamos 4 derrotas no campeonato. Benfica B, Ac. Viseu, Desp. Aves e Sporting B. No ano passado já tínhamos 8 derrotas na 14ª jornada. Em 2014 já tínhamos 6 derrotas. Precisamos de recuar até a 2009 para encontrar uma época com menos derrotas, uma apenas no campeonato até à 14ª jornada. Ficamos em 4º lugar. Foi referido várias vezes pela Direção que “o objetivo é a manutenção” e é para isso que estamos a lutar semana após semana. E acho que devemos de atingir esse objetivo o mais rapidamente possível e começar a preparar a próxima época com muita antecedência. Muitos poderão dizer: já estás a atirar a toalha ao chão? Não meus amigos, de todo. Mas temos que ser realistas e temos que ser calculistas e muito frios na forma como preparamos o futuro. E no futuro vamos estar no topo do futebol português não tenham a menor dúvida disso.

Vi durante o jogo boas ideias, bons princípios de jogo, durante 60/70 minutos. Mesmo com a lesão do Accioly, num lance infeliz (não acredito que seja falta), a equipa não se desconcentrou. Mas sentiram a dor do colega, que num espaço de 2 meses lesiona-se 2 vezes. E o lance foi bem à minha frente, vi e ouvi o choque entre o Accioly e o Matheus. Não me vou esquecer tão rapidamente. Guerreiro Accioly tu és forte. Tens raça e és um jogador à Santa Clara. Ruben… aprende com ele, aquilo que fizeste não te dignifica e não dignifica o CDSC e toda a sua história. Não te esqueças que quando vestes essa camisola representas uma região e um povo. Podes não sinto-lo, mas é a verdade. Cabeça fria rapaz.

E o Clemente já leva 36 golos pelo CDSC. Podiam ser 37, 38, 40… marcas para a próxima não te preocupes.

Estou triste. Estamos tristes. Mas a vida continua.”

Bruno Domingues, sócio 197.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s